| Login | Crie o seu Jornal Online FREE!

Matéria Prima
Desde: 06/02/2003      Publicadas: 1989      Atualização: 25/08/2008

Capa |  Artigos & cia  |  Cidadão Maringá  |  Comentário  |  Conto  |  Crítica  |  Crônica  |  Entrevista  |  Erramos  |  Geral  |  Livro  |  Moda  |  Opinião  |  Reportagem  |  Você no MP


 Crítica
  17/11/2007
  1 comentário(s)


A imprensa e seu costume de engendrar
Com grande força de influência nas mãos, a mídia também é usada para manipular informações e distorcer a realidade
A imprensa e seu costume de engendrarMurilo Battisti
Os grandes veículos de imprensa detêm enorme poder de persuasão e de formação de opinião. O papel primordial da mídia é o de informar, porém, devido a algumas questões de interesses pessoais, os veículos de comunicação de massa acabam fugindo do seu papel, e incorporando o da manipulação da informação e criação de escândalos para depois abafá-los, dependendo de seu interesse no momento.

Em 1989, nas eleições presidenciais, o segundo turno foi disputado entre Fernando Collor de Melo e Luiz Inácio Lula da Silva. A Rede Globo fez uma cobertura que muitos consideraram tendenciosa, a favor de Collor, que ganharia as eleições posteriormente. Existem documentários, textos, reportagens que demonstram isso, além de o próprio Roberto Marinho, em 1992, admitir ter influenciado no resultado da eleição. Depois, a mesma imprensa que beneficiou Collor, ajudou no processo de impeachment do então presidente.

Mas não precisamos ir longe na história do País para observar a relação entre mídia, poder, manipulação e escândalos. Fatos que ocorreram nos últimos dois anos podem ajudar a compreender essa situação.

O caso do Dossiê Vedoin completou um ano no último dia 15 de setembro. Na época em que veio a público, duas semanas antes do segundo turno das eleições presidenciais, causou muita polêmica. A discussão girava em torno de petistas que queriam comprar um dossiê para incriminar o candidato à Presidência da República e o candidato à Prefeitura de São Paulo pelo PSDB, Geraldo Alckmin e José Serra, respectivamente. O escândalo surgiu da noite para o dia, a imprensa elevou-o ao mais alto nível de importância, influindo no clima pré-eleitoral e depois, como na maioria das vezes, tudo acabou em uma grande "pizza".

O ministro da Integração Nacional, Ciro Gomes, é um dos que condenam muitas das atitudes da mídia. Ele afirmou em entrevista à "Revista Imprensa" de setembro, que a mídia no Brasil é desastrosa. Questionado sobre o que pensa dos jornalistas, Ciro Gomes respondeu: "A imprensa brasileira é um desastre. A mídia faz a novelização escandalosa da política, mas é uma imprensa nepotista".

Existem muitas questões ainda sem resposta. No caso da eleição de Fernando Collor de Melo, do Dossiê Vedoin e em diversos outros, a imprensa em geral, prefere não tocar em feridas que ainda estão abertas, para o seu próprio bem e por suas ligações com algumas partes envolvidas. Seria como a mídia discutir a própria mídia.

O jornalista e sociólogo Perseu Abramo, em seu livro, Padrões de Manipulação na Grande Imprensa, explica que uma das principais características do jornalismo no Brasil é a manipulação da informação, às vezes criando até uma "realidade artificial". Segundo ele, um problema sério hoje é que, quando a Globo faz "plim-plim", milhões de brasileiros salivam no ato. A "Folha de S.Paulo" e "Veja" dizem alguma coisa e centenas de milhares de brasileiros "abanam o rabo" em sinal de assentimento e obediência.

O filme "Mera Coincidência", lançado em 1998 nos Estados Unidos, conta a história de um presidente vencendo as eleições segundo as pesquisas, mas um escândalo sexual pode comprometer sua reeleição. Então a mídia entra em ação e cria uma guerra que não existe para poder desviar as atenções, fazer do presidente um "herói" e dessa maneira ganhar as eleições. Uma obra de ficção, que pode nos antecipar uma realidade. Quem sabe daqui algum tempo, criar guerras que não existem com outros países pode ser uma coisa normal e fazer parte do dia-a-dia dos brasileiros.

Imagem meramente ilustrativa/www.pampalivre.info/livros_recomendados.htm

OS COMENTÁRIOS QUE NÃO TIVEREM O NOME COMPLETO DO AUTOR E EMAIL PARA CONTATO NÃO SERÃO PUBLICADOS


  Mais notícias da seção ° no caderno Crítica
11/08/2008 - ° - CQC traz um novo conceito de jornalismo
O programa Custe o Que Custar, apresentado na Band, atrai telespectadores pelo humor inteligente...
30/06/2008 - ° - Com nova linha, Superpop não foca só entretenimento
A atração insere jornalismo na programação em busca de seriedade e audiência, mas não dá pra levar Luciana Gimenez a sério...
23/06/2008 - ° - A mídia aumenta e, às vezes, até inventa
A imprensa erra muito na cobertura de casos de grande impacto, prejudicando Justiça e influenciando a opinião pública...
16/06/2008 - ° - Jornal do Povo, o jornalismo de releases
Reproduzir textos de assessorias de imprensa é costume dos jornais, mas esse vício excede o limite do aceitável...
03/06/2008 - ° - 'Veja' atropela Justiça e sentencia casal
Ao determinar a informação pelo tamanho das letras da capa, revista induz leitor a julgamento prévio no caso Isabella...
19/05/2008 - ° - Verusca escolheu dia errado para morrer
A recepção jornalística que impressos de Maringá deram ao acidente que matou operária foi excessivamente discreta...
19/05/2008 - ° - A hegemonia da coluna social maringaense
Editoria exalta pessoas consideradas, na sociedade, modelos de glamour, sucesso e bem estar, e exclui as demais classes...
05/05/2008 - ° - Telejornal deve priorizar a informação
Por alguns instantes, o Jornal do SBT dá preferência para atração não-jornalística e faz propaganda da emissora no ar...
28/04/2008 - ° - Veja o sensacionalismo com Rosane Collor
Na divulgação da revista Veja ares de escândalos para causar impacto ainda rondam o campo do jornalismo...
21/04/2008 - ° - De "Aqui Agora" para "Aqui jaz Agora"
Programa que reestreou em março no SBT teve vida breve e a resposta para o fracasso pode estar no uso de velhas fórmulas...
14/04/2008 - ° - Maringá Urgente, um obituário eletrônico
Programa de caráter jornalístico apela para imagens sensacionalistas em horários inadequados e veicula situações fortes...
01/12/2007 - ° - O desprazer de ser entrevistado na TV
Com o lema "muito respeitoso", o programa "Prazer em Conhecê-lo" não se importa em tratar os entrevistados com cretinice...
17/11/2007 - ° - Notícias culturais se resumem a notas
Muitas vezes, as notícias culturais mais se assemelham a algo como um panfleto, que mostra somente a hora, data e local do evento...
03/11/2007 - ° - A "inovação" que não está dando certo
Ao tentar ser diferente, interagindo com o telespectador, telejornal "SBT Manchetes" apresenta baixo índice no Ibope...
27/10/2007 - ° - Site "noticioso" aposta na onda da cópia
"Diário Notícias" tem como slogan "Seu jornal na web", mas direito autoral dos que produzem informação não é respeitado...
27/10/2007 - ° - Revista dá sinais de perda no jornalismo
"Objetiva, abrangente e dinâmica", "Revista da Semana" não tem a melhor característica de seu veículo: a profundidade...
20/10/2007 - ° - Jornal esquece o "outro lado" da notícia
Abordar todos os lados do fato e ouvir mais de uma fonte, nem sempre está presente no cotidiano de "O Diário" ...
13/10/2007 - ° - "Debate Bola" faz discussão sem debate
Apesar de tendencioso, o programa vai sobrevivendo na programação da TV Record mais pelo humor do que pelo jornalismo...
13/10/2007 - ° - Programa esportivo dribla o jornalismo
Tentando inovar na apresentação de gols feitos na semana, o Globo Esporte marca pontos contra o jornalismo...
06/10/2007 - ° - Invasão de privacidade ou direito à informação?
Abuso de liberdade de expressão e coleta ilegal de informações colocam sob suspeita a prática do jornalismo...
29/09/2007 - ° - Os seus problemas também podem ser meus
Com um tom cômico e despreocupado, Ângelo Rigon faz de seu blog um instrumento de utilidade pública...
15/09/2007 - ° - Tendências fazem sucesso "Hoje em Dia"
Programa reúne informação, entretenimento e culinária na medida; convergência é palavra de ordem no mundo globalizado...
08/09/2007 - ° - Cobertura do Parapan deixa a desejar
Público não tomou conhecimento de grande parte do que aconteceu no evento; falta de divulgação pela TV ajudou e muito ...
08/09/2007 - ° - Espontaneidade do "Hoje" conquista público fiel
Telejornal-revista da "Rede Globo" perde um pouco da formalidade, mas, com muita leveza e humor, mantém confiabilidade ...
01/09/2007 - ° - Datena: jornalismo mesmo ou espetáculo
Fugir dos modelos convencionais de jornalismo tudo bem, mas exagerar, apelar e constranger não é seriedade...
18/08/2007 - ° - Profissionais sem ética desmerecem o jornalismo
A prática inadequada de alguns jornalistas faz as condutas profissionais de outros serem banalizadas...
11/08/2007 - ° - Jornalista deve tomar cuidado com o português
Apesar de algumas palavras não mudarem o sentido da informação, deveriam ser usadas com mais rigor e propriedade...
11/08/2007 - ° - "Mais Você": onde está o entretenimento?
Ana Maria Braga está perdendo o foco do programa; apresentadora agora resolveu se aventurar no jornalismo...
07/07/2007 - ° - As supostas máscaras da mídia brasileira
Ambigüidades e jogos argumentativos que visam a influenciar opiniões; no fim, tudo figura como estratégia política...
30/06/2007 - ° - Globo Notícias na velocidade do click
Rapidez na informação, por meio da internet, faz repensar modelo jornalístico da Rede Globo de Televisão...



Capa |  Artigos & cia  |  Cidadão Maringá  |  Comentário  |  Conto  |  Crítica  |  Crônica  |  Entrevista  |  Erramos  |  Geral  |  Livro  |  Moda  |  Opinião  |  Reportagem  |  Você no MP
Busca em

  
1989 Notícias