| Login | Crie o seu Jornal Online FREE!

Matéria Prima
Desde: 06/02/2003      Publicadas: 1989      Atualização: 25/08/2008

Capa |  Artigos & cia  |  Cidadão Maringá  |  Comentário  |  Conto  |  Crítica  |  Crônica  |  Entrevista  |  Erramos  |  Geral  |  Livro  |  Moda  |  Opinião  |  Reportagem  |  Você no MP


 Opinião

  05/05/2008
  0 comentário(s)


Homogeneidade como forma de inclusão

A negação das diferenças é o recurso utilizado pelo MEC para combater a discriminação de pessoa com deficiência

Homogeneidade como forma de inclusãoThaís Koga
Em setembro de 2007 foi elaborado pelo MEC (Ministério da Educação), o documento, Política Nacional de Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva, na tentativa de acabar com a discriminação, integrando estudantes com algum tipo de deficiência ao ensino regular. As escolas especiais, como a Apae (Associação dos Pais e Amigos dos Excepcionais) funcionariam apenas como centros de atendimento.

Segundo o censo do IBGE de 2000, 24.600.256 brasileiros possuem algum tipo de deficiência, seja alguma dificuldade para ouvir, enxergar ou deficiência mental. A partir disso, os pais devem ter o direito de escolher entre o ensino regular e a educação especial, já que a última abrange a primeira.

O auxílio às pessoas com deficiência existe desde a época do Império, e a mais conhecida neste setor é a Apae, fundada em 1954. Essas escolas especializadas não oferecem apenas apoio, mas também formação educacional, cultural e social para os que necessitam.

O artigo 205, da Constituição Federal de 1988 coloca a educação como um direito de todos, garantindo o pleno desenvolvimento da pessoa, o exercício da cidadania e a qualificação para o trabalho. Isso só ocorrerá com a aceitação das diferenças. A educação como direito não significa colocar todos em um mesmo ambiente, tendo tratamento semelhante.

Assim, quem precisa não terá o desenvolvimento e atenção correta, como cuidados mais específicos com higiene, locomoção e aprendizado.

O MEC tem a proposta de fazer a mudança estrutural e cultural da escola para atender a todos os alunos. A teoria é ótima, mas na prática, como se sabe, é bem diferente. A inclusão é um processo, a estruturação proposta é demorada. Primeiro tem de modificar a base, a estrutura, a cultura, depois pensar na interação e saber como lidar com as diferenças.

O projeto não é ruim, o problema é a forma como querem executá-lo. Fechar escolas especializadas não será a solução. Os responsáveis devem decidir o destino de seus filhos. A palavra chave para a situação é a conscientização. Estruturar o ambiente nos seus aspectos físico e emocional. A mudança deve acontecer antes da inclusão, para que as pessoas com algum tipo de necessidade especial não sejam cobaias contra a discriminação.

Imagem/ http://www.amparo.sp.gov.br/noticias/agencia/2007/01_janeiro/190107_apae.htm

OS COMENTÁRIOS QUE NÃO TIVEREM O NOME COMPLETO DO AUTOR E EMAIL PARA CONTATO NÃO SERÃO PUBLICADOS
  Autor: Thaís Koga


  Mais notícias da seção ° no caderno Opinião
11/08/2008 - ° - Alucinógenas ou não, o importante é consciência
Ainda que sejam prejudiciais à saúde, drogas como maconha e cigarro fascinam jovens com promessa de status social...
11/08/2008 - ° - Quarenta anos do ano que mudou o mundo
Puramente revolucionário,1968 reuniu as transformações mais significativas para a sociedade contemporânea ...
07/07/2008 - ° - Mais que avaliar, Enem promove cidadania
Instrumento de avaliação do aprendizado auxilia pais no momento de escolher uma boa escola para os filhos...
07/07/2008 - ° - Campanhas eleitorais esquentam o clima
Possibilidade de mudança faz da votação um emblema de cidadania e manifestação dos direitos civis...
30/06/2008 - ° - Campanha pede um país menos corrupto
Projeto de lei complementar encampado pela igreja busca conscientizar eleitores contra maus políticos...
30/06/2008 - ° - Edição para degustar,como alimento sadio
Ter hábitos saudáveis é o sonho de qualquer pessoa, e vão da boa alimentação até a leitura de bons textos...
23/06/2008 - ° - Nem sempre remédio ajuda a emagrecer
Indicados apenas em casos de obesidade, muitos ainda recorrem aos medicamentos sem mudar o estilo de vida...
23/06/2008 - ° - Respeito marca 100 anos de imigração
A cultura japonesa contribuiu tanto para o crescimento econômico quanto cultural do país no último século...
16/06/2008 - ° - Os médicos também precisam se tratar
Os profissionais da saúde que trabalham na rede pública sofrem com a carga horária elevada; faltam funcionários...
16/06/2008 - ° - Prepare o agasalho, pois o inverno pede passagem
A nova estação se aproxima e tudo indica que, ao contrário dos últimos anos, as temperaturas vão cair ...
09/06/2008 - ° - Preservar hoje para construir o amanhã
Floresta Amazônica ainda sofre com a ação do homem, que causa malefícios ao planeta por meio de desmatamentos e queimadas...
09/06/2008 - ° - As diferentes formas da conduta humana
O homem vive em constante mudança, de caráter e comportamento; há fatores que o fazem evoluir ou não como individuo...
03/06/2008 - ° - A mídia excede, sim, mas nem tudo está perdido
Tragédias familiares e escândalos sexuais revelam o lado mais obscuro, mas às vezes necessário, da imprensa...
19/05/2008 - ° - Cuidar do planeta é lição de casa e também da escola
Desrespeito sobre o próprio homem e a natureza põe em xeque as leis naturais; é preciso parar e salvar o planeta...
05/05/2008 - ° - Para incluir é preciso também integrar
Futuros repórteres apresentam compromisso de sociabilidade, respeito e cidadania por meio de matérias e opiniões...
28/04/2008 - ° - Mudanças nos planos de saúde ainda são tímidas
Convênios abrem espaço para atendimento de psicólogos e nutricionistas, mas erram no número de consultas...
28/04/2008 - ° - Caso Isabella ainda imobiliza o País
A sociedade não se dá conta que a todo instante várias Isabellas perdem a vida e, sem comoção, passam despercebidas...
21/04/2008 - ° - O tema individualismo e o fenômeno "matar"
Os homens não pensam nos interesses coletivos e matam para atender aos próprios desejos, constituindo, assim, um fenômeno social aparente...
21/04/2008 - ° - Produzir jornal requer espírito de olimpíada
Em ritmo acelerado e competitivo, estudantes de jornalismo disputam maratonas diárias em busca da melhor reportagem...



Capa |  Artigos & cia  |  Cidadão Maringá  |  Comentário  |  Conto  |  Crítica  |  Crônica  |  Entrevista  |  Erramos  |  Geral  |  Livro  |  Moda  |  Opinião  |  Reportagem  |  Você no MP